FANDOM


O jornal Tribuna das Ilhas, semanário que se publica na cidade da Horta, Açores, nasceu de uma intenção de fundar um jornal semanário que, a par dos diários então existentes no meio, pudesse ser um órgão de comunicação social mais voltado para o debate de ideias e de problemas locais e regionais, no âmbito dos interesses da terra e numa perspetiva de desenvolvimento cultural.

Assim, com a entrada do novo Milénio, essa intenção começou a tomar forma e a conquistar um crescente número de adeptos, acabando por se transformar num projeto coletivo que se lançou na formação da Cooperativa de ”Informação, Animação e Intercâmbio Cultural”, CRL. Constituída a IAIC, foi feita a respetiva matrícula na Conservatória do Registo Comercial da Horta, em 17 de Outubro de 2001.

Em 19 de Abril de 2002 veio a público o primeiro número do Tribuna das Ilhas, sendo seu Diretor Mário Mesquita Frayão, que exerceu o cargo até 30 de Junho de 2006, data em que o Presidente da IAIC, Manuel Cristiano Bem, passou a ocupar interinamente essas funções.

É o órgão de imprensa sedeado na Ilha do Faial com maior tiragem por edição, averbando também um considerável número de assinaturas para além das ilhas dos Açores, nomeadamente no Continente português e nas comunidades açorianas emigradas nos EUA e no Canadá, bem como em alguns países da União Europeia.

Além dos colaboradores que prestam apoio permanente ao Tribuna das Ilhas, o jornal evidencia a presença regular de um grupo de colunistas que abordam os mais variados temas de interesse político, social, cultural e artístico, acolhendo ainda outras colaborações eventuais de pessoas naturais e residentes nas ilhas ou radicadas em Portugal Continental, na América do Norte e no Brasil – uma circunstância que "lhe dá uma feição bem açoriana", com já alguém afirmou.

Tribuna das Ilhas é um jornal de âmbito local e regional, independente do poder político e do poder económico. Aposta numa informação geral e pluralista, simultaneamente objectiva, isenta e aprofundada, focalizando a realidade política, económica e social da Região Autónoma dos Açores, sem excluir o eventual registo dos acontecimentos mais relevantes a nível nacional e mundial.

Tribuna das Ilhas aceita publicar regularmente, sem discriminação de ideologias ou credos, artigos de opinião, desde que devidamente identificados e assinados, os quais, no livre e civilizado confronto de ideias e pontos de vista, contribuem para um maior esclarecimento dos leitores. Dedica atenção especial ao intercâmbio informativo, cultural e social com as comunidades açorianas radicadas noutras regiões do país e no estrangeiro, nomeadamente nos EUA, Canadá e Brasil.

Tribuna das Ilhas persegue uma linha de actuação aberta e tolerante, porém, em caso algum, aceita fazer cedências ao sensacionalismo despudorado, à crítica destrutiva e fechada ao diálogo, à ofensa pessoal e, de uma maneira geral, a tudo o que contrarie não só a moral e a boa educação, como o mero bom senso e bom gosto. Assume o compromisso de respeitar os princípios deontológicos da imprensa e os imperativos da ética, de modo a não poder prosseguir apenas fins comerciais, encobrindo ou deturpando a informação.

Ligações Externas Editar

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.